Morre Luc Montagnier, descobridor do vírus da aids

O virologista francês Luc Montagnier morreu aos 89 anos. O anúncio foi feito nesta quinta-feira, 10, pelo prefeito do subúrbio de Paris, Jean-Christophe Fromantin, onde o médico estava internado. Montagnier ficou conhecido por descobrir o vírus da aids, pelo qual ganhou o Prêmio Nobel de Medicina.

Desde o início da pandemia de coronavírus, o pesquisador esteve envolvido em polêmicas devido a declarações sobre os imunizantes anticovid-19. Em maio do ano passado, o virologista disse em uma entrevista que as vacinas são responsáveis pela criação das novas variantes do novo coronavírus.

Montagnier foi alvo de ataques de agências de checagem, que classificaram as falas do médico como “falsas”.

Biografia do descobridor do vírus da aids: Luc Montagnier nasceu em 18 de agosto de 1932 em Chabris, na França. Ele foi nomeado assistente na Faculdade de Ciências de Paris em 1955, antes de concentrar sua pesquisa em vírus animais, em particular aqueles cujo patrimônio genético consiste em RNA e em links que possam existir entre esses vírus e processos cancerígenos. Em 1972 criou a unidade de oncologia viral no novo departamento de virologia do Institut Pasteur em Paris. Em 1983, ele descobriu, com seus colaboradores Jean-Claude Chermann e Françoise Barré-Sinoussi, o HIV.

 

 

 

Fonte: Revista Oeste
Foto: Divulgação/Wikidata

Artigo anteriorCocos contabiliza 292 ativos de Covid-19
Próximo artigoA Universal é condenada a devolver a fiel R$ 58 mil doados em dízimo