quarta-feira, fevereiro 28, 2024
InícioNotícias da LapaMais de 5 milhões e dois anos de obra: Projeto Formoso tem...

Mais de 5 milhões e dois anos de obra: Projeto Formoso tem água potável!

Tem 31 anos que a gente vem lutando pra ter água tratada aqui. Estamos conseguindo agora, nesse ano, depois de muita luta. Graças a Deus, foi vista essa necessidade do povo daqui. Como essa água daqui ninguém bebe mais, o abastecimento é feito por carro pipa, mas acaba na mesma hora. Se não pega, o jeito é comprar água. Então, essa é a obra mais importante para nós, do Projeto Formoso. O povo estava adoecendo, bebendo essa água sem tratamento. É uma água barrenta. Barro puro mesmo. Não serve nem pra tomar banho”, diz Domingos Lopes Neto, produtor e morador do setor 33.

Iniciada em abril de 2019, a construção do sistema, sistema de abastecimento de água beneficiará a população do projeto público de irrigação Formoso, situado no município de Bom Jesus da Lapa, sede da 2ª Superintendência Regional da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf). Essa ação irá promover o acesso a água potável no Médio São Francisco baiano.

Entenda mais sobre o assunto, compreendendo a importância do Projeto Formoso para a região.

ABRANGÊNCIA DO PROJETO FORMOSO: O Perímetro Irrigado Formoso está localizado no médio São Francisco, no município de Bom Jesus da Lapa, possuindo como limites, as cidades de Serra do Ramalho, Sítio do Mato e Santana – Área do Oeste da Bahia, sendo este, um grande polo de fruticultura irrigada do Estado e, atualmente, o maior produtor de Banana do Brasil. Este terreno está dividido em 02 (duas) grandes glebas, denominada – Formoso A e Formoso H e ocupa uma área de quase 19.000 hectares de área total e 12.134 hectares de área irrigável, divididos em 1.150 lotes, sendo 968 lotes familiares e 182 lotes empresariais.

FAMÍLIAS QUE DEPENDEM DIRETAMENTE DO PROJETO:  Levando-se em consideração que cada lote familiar é conduzido geralmente por uma única família e os lotes empresariais dependem de mão-de-obra, além da familiar, dá para deduzir que no mínimo, cerca de 1.500 famílias dependem exclusivamente, da renda obtida nas lavouras conduzidas dentro do perímetro.

VOLUME DE PRODUÇÃO DO PROJETO FORMOSO: Foram 184.517,44 toneladas de alimentos de origem agrícola produzidas em 2020, totalizando um montante de R$ 271.804.680,55 de valor bruto de produção.

IMPLANTAÇÃO/ INSTALAÇÃO E CONSTRUÇÃO DA ESTAÇÃO DE ÁGUA NO PROJETO: O novo sistema de abastecimento de Água do Distrito Formoso, ora em implantação pela Codevasf, foi projetado entre 2017 e 2018 pela UFC Engenharia por meio do contrato nº 2.364.00/2017, no valor de R$ 470.004,21, e teve sua execução licitada em dezembro de 2018, originando o contrato nº 2.336.00/2018 no valor de R$ 4.837.583,31, firmado com a IQ Construtora, que vem executando a obra.

ORÇAMENTO INVESTIDO NESTA OBRA: Entre projetos e execução, foram investidos um total de R$ 5.307.587,52. E foram necessários, dois anos para conclusão da obra.

ÓRGÃO IRÁ VISTORIAR A ETA (ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DE ÁGUA). A Codevasf é a executora da obra, sendo, posteriormente, transferida ao município de Bom Jesus da Lapa e à autarquia SAAE, a qual vistoria e acompanha as obras e testes. A previsão de inauguração é para maio de 2021.

FAMÍLIAS DO PROJETO QUE SERÃO BENEFICIADAS: As Agrovilas possuíam em 2018 um total aproximado de 800 ligações domiciliares, sem micromedição, sendo 430 na Agrovila 33 e 370 na Agrovila 04 e os sistemas existentes são operados pelo Serviço Autônomo de Água e Esgotos – SAAE, autarquia municipal da Prefeitura de Bom Jesus da Lapa.

“A universalização do acesso é um dos princípios fundamentais estabelecidos pela lei 11.445/2007, conhecida como lei nacional do saneamento básico. Considerando que ainda estamos longe, especialmente no Norte e Nordeste do País, de atender toda a população com os serviços de saneamento básico, entendidos como os de abastecimento de água, esgotamento sanitário, manejo de resíduos sólidos e manejo de águas pluviais, é de grande importância a execução da obra do Sistema, atendendo às maiores agrovilas do Perímetro de Irrigação Formoso”, diz Rafael Trece, técnico da 2ª Superintendência Regional da Codevasf e fiscal da ação. “Ações de abastecimento de água ganham importância, ainda maior, neste momento em que uma pandemia exige que intensifiquemos os hábitos de higiene para prevenir o contágio pelo novo coronavírus”, complementa Trece.

O sistema de abastecimento de água é mais uma ação da Codevasf no Formoso, que é um dos nove projetos de irrigação implantados e acompanhados pela Codevasf no Médio São Francisco baiano. A Companhia realiza investimentos regulares em manutenção e recuperação da infraestrutura de uso comum do projeto – estradas, canais de irrigação e drenos, entre outros itens. A produção do perímetro é responsável por colocar o município de Bom Jesus da Lapa entre os maiores produtores de banana do País.

Os recursos são do Orçamento Geral da União (OGU) e foram destinados à Codevasf por meio de emendas parlamentares.

Com informações da Assessoria de Comunicação da Codevasf BJL.
Fotos: Luiz Carlos Ferreira

Notícias Relacionadas
- Advertisment -

Mais Populares