quarta-feira, junho 12, 2024
InícioOpiniãoFamília e Escola: Parceria e Responsabilidade

Família e Escola: Parceria e Responsabilidade

Sabemos que a família e a escola são os dois primeiros espaços sociais da criança, ou seja, ambientes que lhe servem como referência e motivação para o seu crescimento e desenvolvimento. Entretanto, faz-se necessário que reflitamos a respeito do papel de cada um e das suas responsabilidades.

Podemos dizer que a função da família é tornar a casa um lugar propício à construção de valores e boas condutas à convivência saudável, garantindo a proteção e a vida digna. Em contrapartida, a escola tem em vista assegurar o acesso à aprendizagem do conhecimento, o despertar de habilidades (a leitura, a escrita, o raciocínio lógico, etc) e a socialização. Notamos, portanto, que a família e a escola carregam deveres diferentes, porém se norteiam no mesmo ideal: o bem-estar e a formação plena do estudante.

Neste sentido, é importante que a família esteja cada vez mais presente na vida escolar de seu filho para que, em parceria com a escola, este indivíduo tenha maior facilidade em aprender. Sendo assim, dialogar com o filho a respeito dos conteúdos vivenciados na instituição de ensino, participar das reuniões e eventos convocados pela escola, manter um contato constante com os professores são ações fundamentais para sustentar esta relação entre família e escola e colaborar com a aprendizagem.

Partindo disso, a escola precisa cumprir a sua proposta pedagógica, incentivando a liberdade de expressão de seus alunos e também valorizando a participação da família no desenrolar das ações diárias. Para tanto, é de extrema importância que a instituição de ensino abra as suas portas e convide os pais e responsáveis para as atividades culturais, esportivas, além dos momentos de entrega e diálogo acerca dos resultados obtidos ao longo do ano letivo.

Em tempos de pandemia, observamos com mais atenção a relevância dessa parceria entre a família e a escola. Uma vez que cumprimos as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) referentes ao isolamento social, os professores se preocupam com a mediação do conhecimento de modo interativo e os pais em organizar uma rotina de estudo para o seu filho em casa e motivar a sua aprendizagem.

Mediante ao exposto, vale reforçar a importância da parceria entre a família e a escola, sustentando o art. 205º da Constituição Federal de 1988 quando afirma que “a educação, direito de todos e dever do Estado e da família, será promovida e incentivada com a colaboração da sociedade, visando ao pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho.”

Rita Lee Lopes Vieira de Jesus é Mestre em Educação. Especialista em Psicopedagogia Institucional, Clínica e Hospitalar. Especialista em Gestão Pública. Graduada em Pedagogia e Letras. Professora na rede pública municipal há 13 anos.

As opiniões expressadas neste artigo, são de inteira responsabilidade da autora. Não necessariamente, refletem a posição institucional deste veículo.

Notícias Relacionadas
- Advertisment -

Mais Populares